“Irmã Dulce” desafia MP e toca em frente festa de Coari sem ligar para a pandemia

  • Apesar das recomendações do Ministério Público do Estado do Amazonas (MP-AM), alertando sobre o alto risco de aglomerações, a prefeita Ducirene da Cruz, a “Irmã Dulce”, está tocando a todo vapor a programação de comemoração dos 89 anos de Coari, no Médio Solimões.
  • Indiferente ao quadro ainda preocupante da pandemia, a prefeita cumpre a programação do evento como se a situação sanitária estivesse sob absoluto controle. São 23 eventos vão até 2 de agosto, incluindo torneios esportivos, shows, copas esportivas, corridas, escolha do mister e da miss Coari 2021.

Águas de Manaus notificada

    • Técnicos da Agência Reguladora dos Serviços Públicos Delegados do Município de Manaus (Agemam) monitoram os reparos emergenciais que a empresa Águas de Manaus realiza na rua Sálvio Belota, no bairro Novo Aleixo, Zona Norte.
    • Lá, houve o rompimento de uma adutora ocorrido na quinta-feira (29) por irresponsabilidade da concessionária.

Ressarcimento de prejuízos

    • O diretor-presidente da Ageman, Fábio Alho, determinou a notificação da empresa e já avalia a possibilidade de aplicar advertência à concessionária.
    • A empresa deverá prestar esclarecimentos sobre o ocorrido, além de informar as demais providências da concessionária em relação ao ressarcimento dos prejuízos causados aos moradores que tiveram suas casas invadidas pela água.

Lira anuncia votação de reformas após o recesso

    • O presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira (PP-AL), espera votar as reformas tributária  e política  com a volta dos trabalhos após o recesso legislativo de julho. A agenda legislativa também deverá incluir a privatização dos serviços postais e a reforma administrativa.
    • Arthur Lira disse que a reforma tributária é um assunto já bem amadurecido entre os líderes partidários.

“Não há nada com açodamentos”

    • O presidente da Câmara negou que a reforma política esteja sendo feita às pressas. “Não tem açodamento. A comissão especial ainda tem muito embate e discussão, o que é normal”, comentou.
    • Lira avalia que o sistema eleitoral deve manter a previsão de enxugamento do número de partidos. “Ajustes precisam ser feitos. Estamos indo para o caminho de fusões partidárias e extinção de siglas que não alcançarão a cláusula de barreira. Teremos um sistema político mais estável”, prevê.

Mulheres e distritão na pauta

    • Arthur Lira também destaca a importância de prestigiar o voto para as mulheres, com vagas fixas na Câmara dos Deputados.
    • Ele ainda avalia que o modelo do distritão, que adota as eleições majoritárias para as vagas de deputados federais e estaduais, deve ser decidido apenas no Plenário. “Os presidentes de partido estão pensando de uma forma e os deputados de outra”, observou.

Causas de incêndios no Amazonas

    • Problemas na rede elétrica, má utilização de equipamentos como ventilador e ar-condicionado e sobrecargas de energia estão entre as principais causas de incêndios registrados no Amazonas, segundo o laboratório de perícia de incêndios, do Instituto de Criminalística Lorena dos Santos Baptista (ICB-LSB), do Departamento de Polícia Técnico-Cientifica do Amazonas (DPTC).
    • De janeiro a maio deste ano, o Corpo de Bombeiros Militar do Amazonas (CBMAM) foi acionado para 187 incêndios na capital amazonense.
    • Outras motivações frequentes de incêndios no estado são registradas em problemas nos carros, motocicletas e, ainda, vazamento de gás de cozinha.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui